ANDREA CASTRO (SORRISOS)


"É difícil caminhar quando está escuro.
E é difícil sorrir quando se tem medo de tudo.
Ai, vem você...
Com sorrisos,
que não me atrevo a esqueçer.
Desabrochando flores pisoteadas,
que guardo de batalhas perdidas
e de paisagens eternamente minhas.
Contei amigos,
contei estrelas,
e conto os dias
para ver você entrar por essa porta cinza,
dizendo que não gostou da cor,
por deixá-la triste também...
E olhar por essas janelas fechadas
e me fazer acreditar que existem coisas maravilhosas lá fora.
Porque é fácil dar defeitos,
difícil é aceitar.
Á você menina,que já não sabe onde guardar tanto amor..."


(Mehiel)

2 Comentários:

Andrea disse...

Que lindo Serginho...
Adorei o poema! Amo vc infinitamente...

Bjos!

MICHELE MELO disse...

ñ gostei!!!